carregando

Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

 

Logosofia Ciência e Método

Para usar as funcionalidades você precisa estar logado(a). Clique aqui para logar
Erro ao processar sua requisição, tente novamente em alguns minutos.
Logosofia Ciência e Método

Livro Ruim - 1 comentário

  • Leram
    1
  • Vão ler
    3
  • Abandonaram
    0
  • Recomendam
    0

Autor: Carlos Pecotche

Editora: Logosófica

Assunto: Filosofia

Traduzido por: Não Consta Tradutor

Páginas: 148

Ano de edição: 1972

Peso: 195 g

Avalie e comente
  • lido
  • lendo
  • re-lendo
  • recomendar

 

Ruim
Marcio Mafra
19/09/2005 às 13:17
Brasília - DF

Pra quem gosta - é prato cheio. É um livro ruim porque as ditas penetrantes verdades da Logosofia não revolucionam coisa nenhuma, no que diz respeito às idéias da psicologia humana existentes até o momento. É muita pretensão do logosófico Carlos Pecotche.


Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

1 - A logosofia.

2 - O processo de evolução consciente.

3 - O sistema mental.

4 - Os pensamentos.

5 - O sistema sensível.

6 - O sistema instintivo.

7 - O ensinamento logosófico.

8 - Diretrizes que codjuvam o aperfeiçoamento individual

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

As energias do instinto a serviço do espírito. O processo de evolução consciente, propugnado pelo conhecimento logosófico, induz o ser a concentrar toda a sua atenção no ordenamento de uma nova vida, que começa para ele ao iniciar-se a atividade consciente dos sistemas mental e sensível. Implica isto o despertar para uma realidade não imaginada, que impele a avançar nos estudos conduzentes ao conhecimento desse maravilhoso mecanismo do espírito, cuja investigação deve ser integral e encaminhar às profundidades mais recônditas da essência humana. Entregue o ser a semelhante tarefa, o instinto cede em sua resistência, perdendo pouco a pouco sua característica negativa, isto é, a evolução consciente, ao vinculá-lo aos centros superiores de energia, vai liberando-o dos aspectos que o inferiorizam. Ao porse em contato com as energias mentais e sensíveis conscientemente ativadas, as energias do instinto são aproveitadas com grandes resultados no próprio aperfeiçoamento, porque contribuem para robustecer as forças do espírito, colaborando na realização dos sucessivos encargos que o processo de superação impõe. A formação moral e espiritual consciente contrabalança os impulsos passionais do instinto. A segurança da mesma equivale ao deslocamento da participação nociva deste último na vida do ser. A influência do instinto não pode alcançar jamais a mente superior, cujo funcionamento se relaciona rigorosamente com a emancipação dos motivos que impedem o ser de elevar-se.


Nenhuma informação foi cadastrada até o momento.

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

José Raimundo Pires, meu amigo, enviou este livro para a Bibliomafrateca em maio de 2005.


 

Receber nossos informativos

Siga-nos:

Baixe nosso aplicativo

Livronautas
Copyright © 2011-2019
Todos os direitos reservados.