carregando

Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

 

O Pai Minuto

Para usar as funcionalidades você precisa estar logado(a). Clique aqui para logar
Erro ao processar sua requisição, tente novamente em alguns minutos.
O Pai Minuto

Livro Péssimo - 1 opinião

  • Leram
    1
  • Vão ler
    0
  • Abandonaram
    0
  • Recomendam
    0

Autor: Spencer Johnson

Editora: Record

Assunto: Auto Ajuda

Traduzido por: Sonia Miranda

Páginas: 108

Ano de edição: 2001

Peso: 160 g

Avalie e comente
  • lido
  • lendo
  • re-lendo
  • recomendar
tenho
trocar
empresto
favorido
comprar
quero-ganhar

 

Péssimo
Marcio Mafra
18/12/2004 às 15:13
Brasília - DF

Spencer Johnson escreveu muitos livros e quase todos foram editados no Brasil. O mais original deles é "Quem Mexeu no Meu Queijo". Os demais são cópias com pequenas adaptações de texto. São enrolações. São bobagens. São contos do livro, uma variação da conhecida contravenção "conto do pacote" ou "conto do vigário".

Os editores, e as livrarias que tanto apregoam: "o brasileiro não lê" são co-responsáveis por esse tipo de estelionato. Estelionato cultural, assim tipificado porque induz - ou mantém - alguém ao erro, em proveito próprio. Basta ver o que dizem os editores sobre o autor:

"Spencer Johnson, M.D., é um dos mais amados e respeitados autores no mundo. Ele ajudou milhões de autores de leitores a descobrirem como eles podem aproveitar melhor suas vidas usando verdades simples que levam cumprimento e sucesso no trabalho e em casa. Dr. Johnson é geralmente referido como o melhor que há em resolver temas complexos e apresentando soluções que funcionam.

Ele é autor ou co-autor de numerosos bestsellers que estiveram na lista do New York Times, incluindo o seu bestseller nº1 "Quem mexeu no meu queijo?" - um jeito maravilhoso de lidar com as mudanças no seu trabalho e na sua vida e o "Gerente Minuto" o mais popular método de gerenciamento do mundo.

Depois de graduar-se em psicologia pela Universidade do Sul da Califórnia, Dr. Johnson recebeu sua graduação da Faculdade Real na Irlanda, e completou as habilidades médicas na Mayo Clinic e na Faculdade de Medicina da Havard."

Apesar deste texto se encontrar disponível em qualquer site de qualquer livraria, não é uma coisa séria, nem responsável. São meias verdades. Não é psicologia. Não é auto-ajuda. Auto-ajuda é um método de aprimoramento pessoal onde o interessado busca, sem a assistência de um profissional, solução para problemas emocionais e assim conseguir superar as suas próprias dificuldades.

Portanto, auto ajuda não se parece em nada com este amontoado de bobagem, mal escrito e mal traduzido. Isto é coisa de americano metido a esperto. O Pai Minuto é isso: pai bobagem, pai trouxa.




Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

A forma mais rápida de você ajudar seus filhos a aprenderem a gostar de si mesmos e a quererem se comportar da maneira adequada. (Transcrito da folha de rosto)

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

Ele saiu do supermercado para casa dirigindo o carro cheio de compras e crianças. Os mais novos faziam tudo para chamar sua atenção. No entanto, ele estava mergulhado em seus próprios pensamentos. "Tem que haver uma maneira melhor", refletia. "Não posso ficar o tempo todo repreendendo meus filhos. É cansativo. E tenho certeza de que ha maneiras melhores de passar meu tempo com eles." O pai tinha que admitir, porem, que estava muito menos cansado desde que começara a usar apenas aquele método mais rápido e eficiente de disciplina. "Mesmo assim", pensou, "tem que haver uma maneira melhor. Há muito mais coisas envolvidas numa boa relação entre pai e filhos do que o simples fato de se conseguir manter uma boa disciplina. "Quero que meus filhos sejam mais do que simples crianças bem-comportadas. Quero que se considerem vencedores individuais - cada um a sua própria maneira. Mas como vou conseguir isso?" O pai continuou a dirigir e a pensar. Olhou para o carro da frente. Seu olhar bateu num adesivo colado no pára-choque Dizia assim: Já abraçou seu filho hoje?


Nenhuma informação foi cadastrada até o momento.

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

Adriano Oliveira, pai do Pedro e da Júlia, marido da Luana e guru da informática, entusiasta de coisa nova, ou mesmo coisa antiga que ele não conheça, ficou empolgado com o "sistema" da bibliomafrateca e comentou com o seu amigo Flávio, que por sua vez, enviou este livro para a bibliomafrateca, desejando contribuir para o enriquecimento de seu acervo. Perguntado quem era o Flávio, respondeu Adriano: "É um analista de sistemas, vaidoso e contraditório."


 

Receber nossos informativos

Siga-nos:

Baixe nosso aplicativo

Livronautas
Copyright © 2011-2018
Todos os direitos reservados.