carregando

Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

 

As Viagens de Gulliver

Para usar as funcionalidades você precisa estar logado(a). Clique aqui para logar
Erro ao processar sua requisição, tente novamente em alguns minutos.
As Viagens de Gulliver

Livro Ótimo - 2 opiniões

  • Leram
    1
  • Vão ler
    0
  • Abandonaram
    0
  • Recomendam
    0

Autor: Jonathan Swift

Editora: Círculo do Livro

Assunto: Romance

Traduzido por: Therezinha Monteiro Deustch

Páginas: 416

Ano de edição: 1996

Peso: 465 g

Avalie e comente
  • lido
  • lendo
  • re-lendo
  • recomendar

 


Ótimo
João Victor Inácio Dias
22/09/2018 às 22:01
Serra Azul de Minas - MG
O livro é cheio de aventuras e fantasias, além de personagens interessantes. Recomendo!

Ótimo
Marcio Mafra
22/09/2018 às 21:55
Brasília - DF
As criaturas minúsculas de Lilipute; os gigantes de Brobdingnag; os sábios obcecados por astronomia, música e matemática da ilha flutuante de Laputa;
os primitivos Yahoos, seres semelhantes ao homem de Neandertal; os inacreditáveis Houyhnhnms, cavalos racionais e em tudo superiores ao
gênero humano - viajar com Gulliver é conhecer alguns dos personagens mais fantásticos de todos os tempos, mas não só isso:
no espelho da fantasia, o autor Jonathan Swift, projeta realidades de sua época.
(texto extraído parcialmente de nota da Editora Companhia das Letras, publicado no site da Editora)


Marcio Mafra
22/09/2018 às 00:00
Brasília - DF

A versão original de Viagens de Gulliver, tem uma vaga lembrança de adaptações infantis. O livro escrito por Jonathan Swift, apesar de todo o seu ressentimento e misantropia, é uma obra deliciosa, que permite vários níveis de leitura.

É primeiro um livro de viagens. Uma história de aventuras, cheia das criaturas fantásticas e de humor é um dos marcos iniciais da ficção científica e, talvez, do estilo realismo fantástico muito praticado por Gabriel Garcia Marquez.

Entretanto, o que mais fascina o leitor maduro nessa obra publicada pela primeira vez em 1726 é o olhar implacável que seu autor volta sobre o homem, suas instituições, seu apego irracional ao poder e ao ouro,

e sua insistência em prolongar a vida mesmo quando esta só proporciona sofrimento.

(Transcrição parcial do site da editora Companhia das Letras)

Marcio Mafra
22/09/2018 às 00:00
Brasília - DF

“Meu pequeno amigo (…), você fez o mais admirável panegírico sobre seu país. Você provou claramente que a ignorância, a preguiça e o vício são os verdadeiros qualificativos de um legislador. Que as leis são muito bem explicadas, interpretadas e aplicadas por aqueles cujos interesses e habilidades residem em pervertê-las, confundi-las e eludi-las. Observo entre vocês algumas linhas de uma instituição que originalmente seria muito tolerável, mas que na aplicação tornou-se obliterada, deturpada e manchada pela corrupção. Não percebo, em tudo o que me disse, que se exija nenhuma perfeição dos que alcançam os cargos de direção entre vocês, muito menos que se exijam homens que se tenham tornado nobres pela virtude, que os sacerdotes sejam homenageados por sua piedade ou ensinamentos, os soldados por sua conduta ou coragem, os juízes por sua integridade, os senadores pelo amor à sua terra, os conselheiros por sua sabedoria.

Como você, prosseguiu o rei, passou a maior parte de sua vida viajando, estou disposto a esperar que tenha escapado de muitos vícios de seu país. Mas, pelo que pude perceber no nosso relacionamento e pelas respostas que consegui extorquir de você com muito esforço, devo concluir que a maior parte de seus compatriotas é a mais perniciosa raça de pequenos e odiosos parasitas que a natureza permitiu que rastejem na face da Terra.”


Nenhuma informação foi cadastrada até o momento.

Marcio Mafra
22/09/2018 às 00:00
Brasília - DF

Este livro ( físico) não faz parte  do acervo. Foi um dos exemplares doados como ingresso da Feira Expovarejo de 2017, que posteriormente foram cedidos para o programa de doações de Livronautas. Foi solicitado e doado para João Victor Inácio Dias., da cidade de Serro Azul, Estado de Minas Gerais em 16/8/2018.


 

Receber nossos informativos

Siga-nos:

Baixe nosso aplicativo

Livronautas
Copyright © 2011-2018
Todos os direitos reservados.