carregando

Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

 

O Bailarino

Para usar as funcionalidades você precisa estar logado(a). Clique aqui para logar
Erro ao processar sua requisição, tente novamente em alguns minutos.
O Bailarino

Livro Ótimo - 1 comentário

  • Leram
    1
  • Vão ler
    0
  • Abandonaram
    0
  • Recomendam
    0

Autor: Colum McCann

Editora: A Girafa

Assunto: Memórias

Traduzido por: Áurea Akemi Arata

Páginas: 462

Ano de edição: 2004

Peso: 535 g

Avalie e comente
  • lido
  • lendo
  • re-lendo
  • recomendar

 

Ótimo
Marcio Mafra
10/07/2010 às 14:41
Brasília - DF


Colum McCann em O Bailarino criou um esplendoroso romance onde narra a vida da grande figura do mundo da dança Rudolf Nureyev. Rudolf, um camponês russo que se tornou numa lenda internacional e foi um dos exilados da Guerra Fria entre o capitalismo e o comunismo. Adorado por milhões, Nureyev foi o bailarino cujo nome era sinônimo de gênio e de sofisticada perfeição. Colum McCann, com seu premiado estilo reinventou a figura do mito da arte do balé, com todo o luxo e luxúria que foi sua vida no ocidente. Atravessando quatro décadas e muitos mundos, desde os horrores de Stalingrado ao brilhante desfile de celebridades na Nova Iorque dos anos 80, o romance, que mais parece livro de memórias, narra um grande número de personagens, tanto obscuras, como famosas, umas reais e outras apenas imaginadas. Incluindo Margot Fonteyn, John Lennon e uma incontável trupe de homossexuais, que pululam no mundo artístico, especialmente do balé. O Bailarino, um justo sucesso no mundo da literatura é leitura fácil, bem montada como uma peça de balé. Flui com leveza, como um “pás de deux”. Se o tema e o autor são bons, resulta num livro muito bom.



Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

A história do bailarino Rudolf Nureiev,(Rudolf Khametovich Nureyev,1938/1993) desde a sua infância miserável na União Soviética, passando pela fuga para o Ocidente, incluindo sua ascensão nos palcos do mundo, escancarando toda a vida mundana, luxuosa, e luxuriosa do mito que brilhou em todos os lugares onde se apresentou. Embora muito rico e muito famoso, foi “vingado” pelas autoridades soviéticas, que nunca perdoaram sua fuga e o mantiveram fora de suas fronteiras, como se ignorassem a brilhante trajetória da arte do maior bailarino do mundo contemporâneo, que morreu aos 54 anos de idade, em Paris no mês de janeiro de 1993.

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

Condenaram Rudik a sete anos de serviços forçados.
Não temos força para tal. Mamãe caiu sobre a cama e colocou o rosto sobre o travesseiro e chorou. Uma sentença de morte teria sido bem plausível; portanto, na verdade, ela deveria estar aliviada. Mas chorava. Papai me contou uma história de Berlim, sobre um soldado que prendeu o pé nos trilhos do bonde. Um bonde se aproximava rapidamente. Um outro soldado caminhava pela rua quando ouviu a gritaria. O segundo soldado tentou puxar o pé do primeiro soldado do trilho. Não conseguiu, assim, arranncou seu sobretudo e jogou-o sobre a cabeça do soldado para que ele não tivesse de ver o bonde se aproximando, para poupá-lo da agonia. Eu já escutara essa história antes em algum lugar.
Será que sou eu que terei de atirar o casaco sobre os olhos de Papai?

A magia da dança, meu jovem, é algo puramente acidental. A ironia é que você tem que trabalhar mais do que qualquer outra pessoa para o acidente ocorrer. Depois, quando ele acontece, a única coisa garantida em sua vida é que nunca irá ocorrer novamente. Isto, para alguns, é um estado de infelicidade, e, para outros, é somente o êxtase. Talvez, então, você deva esquecer tudo o que lhe disse e lembrar somente isto: A verdadeira beleza da vida é que a beleza pode às vezes acontecer.


Nenhuma informação foi cadastrada até o momento.

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

Autor de livros de contos e romances, Colum McCann foi traduzido para mais de 30 idiomas. Ele foi o primeiro convidado da FLIP 2010 a confirmar presença, logo no inicio do ano de 2010. Cliquei no site da sacro-santa Estante Virtual e consegui dois livros do autor: O Bailarino e O Outro Lado da Luz.


 

Receber nossos informativos

Siga-nos:

Baixe nosso aplicativo

Livronautas
Copyright © 2011-2019
Todos os direitos reservados.