carregando

Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

 

Novo Código Civil

Para usar as funcionalidades você precisa estar logado(a). Clique aqui para logar
Erro ao processar sua requisição, tente novamente em alguns minutos.
Novo Código Civil

Livro Bom - 1 comentário

  • Leram
    1
  • Vão ler
    2
  • Abandonaram
    0
  • Recomendam
    0

Autor: O Povo Brasileiro

Editora: Senado Federal

Assunto: Direito Civil

Traduzido por: Livro Editado em Português do Brasil

Páginas: 340

Ano de edição: 2006

Peso: 470 g

Avalie e comente
  • lido
  • lendo
  • re-lendo
  • recomendar

 

Bom
Marcio Mafra
14/10/2006 às 11:50
Brasília - DF

Não há o que comentar. O conceito bom serve apenas para registro no sistema Livronautas.


Curioso é que na capa do livro, editado pela Grafica do Senado Federal, junto ao nome do livro: Codigo Civil, foi adicionada a foto do ilustre Senador da Republica Paulo Octavio.


Este insigne Senador renunciou ao mandato para assumir o cargo de Vice Governador do DF. Tempos depois o assumiu a governadoria porque o titular encontrava-se detido em carcere da Policia Federal, por motivos de corrupção. Logo em seguida, o proprio Paulo Octavio também precisou renunciar, tendo alegado falta de apoio politico.


Bom, a falta de ética ao mandar imprimir o "novo código civil" com a sua propria foto na capa do livro, numa pobre e podre alusão ao espírito de Luiz XIV , é mesmo uma porca pretensão de "a lei sou eu". Não deu certo. 


 


Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

Novo código civil contendo exposição de motivos e texto sancionado.

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

DO DIREITO DO PROMITENTE COMPRADOR
Art. 1.417. Mediante promessa de compra e venda, em que se não se pactuou arrependiimento, celebrada por instrumento publico ou particular, e registrada no Cartório de Registro de Imoveis, adquire o promitente comprador direito real a aquisição do imóvel.
Art. 1.418. O promitente comprador, titular de direito real, pode exigir do promitente vendedor, ou de terceiros, a quem os direitos deste forem cedidos, a outorga da escritura definitiva de compra e venda, conforme o disposto no instrumento prelimiinar; e, se houver recusa, requerer ao juiz a adjudicação do imovel.


Nenhuma informação foi cadastrada até o momento.

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

Marcos Oliveira trouxe o exemplar do Gabinete do Senador Paulo Octavio.


 

Receber nossos informativos

Siga-nos:

Baixe nosso aplicativo

Livronautas
Copyright © 2011-2019
Todos os direitos reservados.