carregando

Aguarde por gentileza.
Isso pode levar alguns segundos...

 

Gramática Contemporânea da Lingua Portuguesa

Para usar as funcionalidades você precisa estar logado(a). Clique aqui para logar
Erro ao processar sua requisição, tente novamente em alguns minutos.
Gramática Contemporânea da Lingua Portuguesa

Livro Ruim - 2 comentários

  • Leram
    1
  • Vão ler
    3
  • Abandonaram
    0
  • Recomendam
    0

Autor: José de Nicola

Editora: Scipione

Assunto: Gramática

Traduzido por: Livro Editado em Português do Brasil

Páginas: 447

Ano de edição: 1999

Peso: 670 g

Avalie e comente
  • lido
  • lendo
  • re-lendo
  • recomendar

 


Ruim
Edite Mafra
09/05/2008 às 15:21
Brasília - DF

É um livro com qualidade, porém de muita complexidade e difículdade para se encontrar o que se procura.


Bom
Marcio Mafra
05/08/2007 às 19:25
Brasília - DF

A gramática do José de Nicola ensina, através de textos literários dos autores: Fernando Pessoa, João Cabral de Melo Neto, Carlos Drummond, Manuel Bandeira, Cecília Meireles, Vinicius de Moraes e Mário de Andrade. Também trabalha o seu objetivo com letras de músicas de famosos compositores brasileiros, além de se utilizar de histórias em quadrinhos, notícias e anúncios de jornais e revistas. Embora o livro seja dedicado ao aluno, o seu manuseio é difícil. Precisa-se saber o que procurar.Quem não tiver muita intimidade com a gramática, não aproveitará adequadamente o conteúdo do livro.


Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

Um estudo sobre as normas gramaticais adotadas no Brasil, para a língua portuguesa.

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

Da-se o nome de hibridismo ao processo de formação de palavras em que entram elementos de linguas diferentes. Veja os exemplos seguintes:
abreugrafia: abreu e um vocábuloo portugues derivado do nome do medico brasileiro Manuel de Abreu, criador do método utilizado para diagnosticar tuberculose; grafia e grego.
automovel: auto é grego; movel é latino.
alcoolismo: álcool é arabe; -ismo e um sufixo grego.
caiporismo: caipora e tupi e significa 'infeliz', 'má sorte'; -ismo é grego.
goleiro: gol vem do inglês goal; eiro é um sufixo latino que indica ofício.
Petropolis: Petro vem do latim Petrus, 'Pedro', uma referencia ao imperador D. Pedro II; polis vem do grego e significa 'cidade'.
amoral: a e prefixo grego; moral vem do latim mores.
aeroporto: aero é grego; porto e latino.
sagarana: saga e de origem germanica e significa 'narrativas em prosa'; -rana e sufixo tupi e significa 'semelhante'.
Sagarana é o nome do primeiro livro de contos de Guimarães Rosa.
homossexual: homo é grego; sexual é latino.
Como curiosidade: a palavra híbrido vem do grego hybris, que significa 'ultraje': e que para os gregos a miscigenação violava as leis naturais; era, portanto, ultrajante


Nenhuma informação foi cadastrada até o momento.

Marcio Mafra
18/01/2013 às 19:17
Brasília - DF

Livro usado, adquirido no "Sebinho" em novembro de 2006.


 

Receber nossos informativos

Siga-nos:

Baixe nosso aplicativo

Livronautas
Copyright © 2011-2019
Todos os direitos reservados.